quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Roteiro de Atividades sobre a Expansão Marítima Europeia- Turma 1001 Roteiro de aula

Roteiro de aula Trabalhando com o tema " Expansão Marítima Europeia" Duração : 2 aulas (50 minutos cada). Primeira Aula 1-A partir da leitura do texto abaixo o aluno deverá: analisar o poema e relacioná-lo á expansão marítima portuguesa. As armas e os barões assinalados Que da ocidental praia Lusitana Por mares nunca de antes navegados Passaram ainda além da Taprobana E em perigos e guerras esforçados Mais do que prometia a força humana, E entre gente remota edificaram Novo Reino, que tanto sublimaram; E também as memórias gloriosas Daqueles Reis que foram dilatando A Fé, o Império, e as terras viciosas De África e de Ásia andaram devastando, E aqueles que por obras valerosas Se vão da lei da Morte libertando: Cantando espalharei por toda parte, Se a tanto me ajudar o engenho e arte. Já a vista, pouco a pouco, se desterra Daqueles pátrios montes que ficavam; Ficava o caro Tejo e a fresca serra De Sintra, e nela os olhos se alongavam; Ficava-nos também na amada Terra O coração que as mágoas lá deixavam; E, já depois que toda se escondeu, Não vimos mais, enfim,que mar e céu. Ó glória de mandar, ó vã cobiça Desta vaidade, a quem chamamos fama? A quem novos desastres determinas De levar estes reinos e gente? Que perigos, que mortes lhe destinas, Debaixo de algum nome preeminente? Que promessas de Reinos e de Minas de Ouro, que lhe farás tão facilmente? Que fama lhe prometerás? Que histórias? Que triunfos? Que palmas?Que vitórias? Esta é por certo a terra que buscais Da verdadeira Índia, que aparece; E se do mundo mais não desejais, Vosso trabalho longo aqui fenece, Sofrer aqui não pode o Gama mais, De ledo em ver que a terra se conhece: Os joelhos no chão, as mãos ao céu, A mercê grande a Deus agradeceu. Deus por certo vos traz, porque pretende Algum serviço seu por vós obrado; Por isso só vos guia, e vos defende Dos inimigos, do mar, do vento irado. Sabei que estais n índia, onde se entende Diverso povo, rico e prosperado De ouro luzente e fina pedraria, Cheiro suave, ardente especiaria. Estratégia de Ação: Dividir a turma em duplas e cada turma irá escrever sobre o tema: O encontro com o desconhecido. Mediante as reflexões trabalhadas como: Será que explorar o Universo trará novas fontes de conhecimento ao ser humano? A exploração do espaço, com satélites e bases espaciais, teria entre suas causas, a mesma que motivaram a expansão marítima , E na vida pessoal de cada um, como nós encaramos o desconhecido? E os povos, regiões e culturas diferentes da nossa, como nos relacionamos com eles? 2- Fazer a leitura do poema abaixo e responder as questões: Expansão Marítima e Comercial 1- "Ó mar salgado, quanto do teu sal São lágrimas de Portugal! Por te cruzarmos, quantas mães choraram, Quantos filhos em vão rezaram! Quantas noivas ficaram sem casar Para que fosses nosso, ó mar! Valeu a pena? Tudo vale a pena Se a alma não é pequena. Quem, quer passar além do Bojador Tem que passar além da dor. Deus ao mar o perigo e o abismo deu. Mas nele é que espelhou o céu." (Fernando Pessoa, MAR PORTUGUÊS. Rio de Janeiro, José Aguilar, 1960.) O poema de Fernando Pessoa se refere à conquista dos mares pelos portugueses, o início da era moderna. Se os resultados finais mais conhecidos dessas "Grandes Navegações" foram a abertura de novas rotas comerciais em direção à Índia, a conquista de novas terras e o espalhamento da cultura européia, alguns dos elementos desse contexto histórico cuja articulação auxilia na compreensão das origens dessa expansão marítima são: a) o avanço das técnicas de navegação; a busca do mítico paraíso terrestre; a percepção do universo segundo uma ordem racional. b) o mito do abismo do mar; a desmonetarização da economia; a vontade de enriquecimento rápido. c) a busca de ouro para as Cruzadas; a descentralização monárquica; o desenvolvimento da matemática. d) a demanda de especiarias; a aliança com as cidades italianas; a ânsia de expandir o cristianismo. e) o anseio de crescimento mercantil; os relatos de viajantes medievais; a conquista de Portugal pelos mouros. 2- Responda? a) Qual o período da história de Portugal que está sendo recuperado pelo poeta Fernando Pessoa? b) Porque as aventuras marítimas, nesse período, eram empreendimentos tão arriscados? c) Por que a conquista e o domínio dos mares foram tão importantes no período da História de Portugal a que se refere o poema de Fernando Pessoa? d) A que se pode atribuir a primazia portuguesa nos descobrimentos e na expansão marítima moderna? 3- A expansão marítima da Península Ibérica (Espanha e Portugal) nas Américas foi orientada por um projeto colonizador que, além da exploração econômica das terras, tinha por objetivo a imposição de uma cultura européia e cristã. Qual foi o papel da Igreja Católica nesse projeto colonizador? 4- Após a explicação do mapa no data show,o aluno deverá mostrar a importância das viagens marítimas para a economia de Portugal. Trabalhando com o tema:" A Expansão Marítima Portuguesa" A importância dos instrumentos tecnológicos para a Expansão Marítima. 1- Após a observação das imagens abaixo o aluno deverá escrever um texto sobre a origem dos instrumentos e da importância destes para a navegação marítima. Após a escrita e explicação, o aluno deverá relacionar estes instrumentos com a época contemporânea, dialogando e escrevendo sobre os instrumentos modernos e a sua importância. 2- Trabalhando com o vídeo: 500 anos O Brasil ( Dois mundos desconhecidos) Cada aluno deverá explicar o filme com suas palavras, relacionado ao tema (Expansão Marítima Europeia). Professora: Nilva Fratane Hentzy Figueira Escola Estadual Geraque Collet Turma: 1001

Fazendo upload de vídeo... CancelarProcessando vídeo... CancelarConfigurações de postagensMarcadores Separar rótulos com vírgulas ConcluídoProgramar Automático Definir data e hora « out de 2012 »
D S T Q Q S S 30 1 2 3 4 5 6 Roteiro de aula Trabalhando com o tema " Expansão Marítima Europeia" Duração : 2 aulas (50 minutos cada). Primeira Aula 1-A partir da leitura do texto abaixo o aluno deverá: analisar o poema e relacioná-lo á expansão marítima portuguesa. As armas e os barões assinalados  Que da ocidental praia Lusitana Por mares nunca de antes navegados  Passaram ainda além da Taprobana  E em perigos e guerras esforçados  Mais do que prometia a força humana,  E entre gente remota edificaram  Novo Reino, que tanto sublimaram;     E também as memórias gloriosas  Daqueles Reis que foram dilatando  A Fé, o Império, e as terras viciosas  De África e de Ásia andaram devastando,  E aqueles que por obras valerosas  Se vão da lei da Morte libertando:  Cantando espalharei por toda parte,  Se a tanto me ajudar o engenho e arte.  Já a vista, pouco a pouco, se desterra Daqueles pátrios montes que ficavam; Ficava o caro Tejo e a fresca serra De Sintra, e nela os olhos se alongavam; Ficava-nos também na amada Terra O coração que as mágoas lá deixavam; E, já depois que toda se escondeu, Não vimos mais, enfim,que mar e céu. Ó glória de mandar, ó vã cobiça Desta vaidade, a quem chamamos fama? A quem novos desastres determinas De levar estes reinos e gente? Que perigos, que mortes lhe destinas, Debaixo de algum nome preeminente? Que promessas de Reinos e de Minas de Ouro, que lhe farás tão facilmente? Que fama lhe prometerás? Que histórias? Que triunfos? Que palmas?Que vitórias? Esta é por certo a terra que buscais Da verdadeira Índia, que aparece; E se do mundo mais não desejais, Vosso trabalho longo aqui fenece, Sofrer aqui não pode o Gama mais, De ledo em ver que a terra se conhece: Os joelhos no chão, as mãos ao céu, A mercê grande a Deus agradeceu. Deus por certo vos traz, porque pretende Algum serviço seu por vós obrado; Por isso só vos guia, e vos defende Dos inimigos, do mar, do vento irado. Sabei que estais n índia, onde se entende Diverso povo, rico e prosperado De ouro luzente e fina pedraria, Cheiro suave, ardente especiaria.
Estratégia de Ação: Dividir a turma em duplas e cada turma irá escrever sobre o tema: O encontro com o desconhecido. Mediante as reflexões trabalhadas como: Será que explorar o Universo trará novas fontes de conhecimento ao ser humano? A exploração do espaço, com satélites e bases espaciais, teria entre suas causas, a mesma que motivaram a expansão marítima , E na vida pessoal de cada um, como nós encaramos o desconhecido? E os povos, regiões e culturas diferentes da nossa, como nos relacionamos com eles? 2- Fazer a leitura do poema abaixo e responder as questões: Expansão Marítima e Comercial 1- "Ó mar salgado, quanto do teu sal São lágrimas de Portugal! Por te cruzarmos, quantas mães choraram, Quantos filhos em vão rezaram! Quantas noivas ficaram sem casar Para que fosses nosso, ó mar! Valeu a pena? Tudo vale a pena Se a alma não é pequena. Quem, quer passar além do Bojador Tem que passar além da dor. Deus ao mar o perigo e o abismo deu. Mas nele é que espelhou o céu." (Fernando Pessoa, MAR PORTUGUÊS. Rio de Janeiro, José Aguilar, 1960.) O poema de Fernando Pessoa se refere à conquista dos mares pelos portugueses, o início da era moderna. Se os resultados finais mais conhecidos dessas "Grandes Navegações" foram a abertura de novas rotas comerciais em direção à Índia, a conquista de novas terras e o espalhamento da cultura européia, alguns dos elementos desse contexto histórico cuja articulação auxilia na compreensão das origens dessa expansão marítima são: a) o avanço das técnicas de navegação; a busca do mítico paraíso terrestre; a percepção do universo segundo uma ordem racional. b) o mito do abismo do mar; a desmonetarização da economia; a vontade de enriquecimento rápido. c) a busca de ouro para as Cruzadas; a descentralização monárquica; o desenvolvimento da matemática. d) a demanda de especiarias; a aliança com as cidades italianas; a ânsia de expandir o cristianismo. e) o anseio de crescimento mercantil; os relatos de viajantes medievais; a conquista de Portugal pelos mouros. 2- Responda? a) Qual o período da história de Portugal que está sendo recuperado pelo poeta Fernando Pessoa? b) Porque as aventuras marítimas, nesse período, eram empreendimentos tão arriscados? c) Por que a conquista e o domínio dos mares foram tão importantes no período da História de Portugal a que se refere o poema de Fernando Pessoa? d) A que se pode atribuir a primazia portuguesa nos descobrimentos e na expansão marítima moderna? 3- A expansão marítima da Península Ibérica (Espanha e Portugal) nas Américas foi orientada por um projeto colonizador que, além da exploração econômica das terras, tinha por objetivo a imposição de uma cultura européia e cristã. Qual foi o papel da Igreja Católica nesse projeto colonizador? 4- Após a explicação do mapa no data show,o aluno deverá mostrar a importância das viagens marítimas para a economia de Portugal.
Trabalhando com o tema:" A Expansão Marítima Portuguesa" A importância dos instrumentos tecnológicos para a Expansão Marítima. 1- Após a observação das imagens abaixo o aluno deverá escrever um texto sobre a origem dos instrumentos e da importância destes para a navegação marítima. Após a escrita e explicação, o aluno deverá relacionar estes instrumentos com a época contemporânea, dialogando e escrevendo sobre os instrumentos modernos e a sua importância.
2- Trabalhando com o vídeo: 500 anos O Brasil ( Dois mundos desconhecidos) Cada aluno deverá explicar o filme com suas palavras, relacionado ao tema (Expansão Marítima Europeia). Professora: Nilva Fratane Hentzy Figueira Escola Estadual Geraque Collet Turma: 1001 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Data e hora inválidas Fuso horário: Pacific Daylight TimeConcluídoLink permanentePermalink - Title Link - Link permanent Interpretar HTML digitado Quebras de linha Usar a tag
e ? Insira o título da postagem e salve para selecionar um URL automaticamente para esta postagem Link permanente automático Link permanente personalizado Link de título ? Links anexados ? Adicionar outro link anexado ConcluídoLocalLocal desconhecido.Search Ecrã inteiro©2012 Google - Termos de UtilizaçãoSatMapaSatHíbrNome do local ExcluirConcluídoDescrição da pesquisa ConcluídoOpçõesComentários dos leitores Permitir Não permitir, mostrar existentes Não permitir Backlinks Permitir Não permitir, mostrar existentes Não permitir Modo Escrever Mostrar HTML literalmente Pressione "Enter" para inserir quebras de linha ConcluídoTags de robôs personalizadaspadrãodefault all noindex nofollow none noarchive nosnippet noodp notranslate noimageindex unavailable_after: ConcluídoGadgets

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário